Os ácidos gordos omega 3 são dos ácidos gordos encontrados em maiores concentrações no cérebro de um adulto. Dado isto, tem sido postulado que os ácidos gordos ómega-3 possam possuir um papel importante na saúde mental, nomeadamente na depressão.

Neste artigo publicado pela CNS Neuroscience & Therapeutics foram revistos três ensaios clínicos randomizados sobre o efeito de ácidos gordos ómega-3 no tratamento da depressão. Os resultados revelam uma maior efetividade da toma deste tipo de ácidos gordos versus um placebo no tratamento da depressão em adultos e em crianças.

Um défice no consumo de ácidos gordos ómega-3 já tinha sido descrito anteriormente como fator de risco para as perturbações de humor, incluindo a depressão, como se pode verificar neste artigo publicado no American Psychiatric Association.

Uma vez que estes ácidos gordos não são sintetizados pelos seres humanos eles precisam ser ingeridos, sobretudo, através de peixes gordos de água fria (ex. salmão, atum e sardinha), óleos vegetais (ex. óleo de canola), frutos gordos (ex. nozes) e sementes (ex. sementes de chia e de linhaça).

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

8 − 7 =